blog-anabolizantes

Anabolizante: cuidados com a beleza que podem acabar com a fertilidade masculina

Muitas vezes, o cuidado com a beleza pode acabar passando dos limites e afetar negativamente a saúde. E esse é o caso dos homens que optam por usar anabolizantes em busca do corpo perfeito. 

O resultado, que pode impressionar de forma positiva quando visto no espelho, pode ter sérios reflexos em relação à vida e saúde. Um desses reflexos, por exemplo, é a diminuição da fertilidade masculina. 

Pensando nisso e em alertar sobre os riscos do uso de anabolizantes para a vida reprodutiva do homem, preparamos esse artigo para esclarecer algumas dúvidas em relação ao assunto. 

Boa leitura!

Fatores que afetam a fertilidade masculina

Engana-se quem pensa que a mulher tem mais chances de apresentar infertilidade do que o homem. O nível para que uma mulher seja infértil está na mesma proporção do que o homem está, cerca de 40% para casais da mesma faixa etária, de acordo com estudos.

Entretanto, existem fatores que podem contribuir para que a fertilidade masculina seja atingida de forma direta. Uma delas é o anabolizante, que desregula a produção dos hormônios responsáveis por atuar na fertilidade. 

O uso em excesso e/ou prolongado pode desencadear a dificuldade de atuação dos espermatozoides ou até a infertilidade, considerando a infertilidade a consequência maior ao organismo. 

Substâncias que tenham como base o hormônio da testosterona, usado principalmente por quem deseja ganhar músculos ou aumentar a capacidade viril, podem apresentar danos diretos quanto à fertilidade masculina. É constatado que em boa parte dos casos, os homens podem ter uma redução brusca quanto ao número de espermatozoides produzidos.

Com a inibição da produção de espermatozoides, a chance para engravidar uma mulher diminui de forma concreta. A azoospermia se configura como a ocorrência de esterilidade por falta de espermatozoides, pode acontecer de acordo com o período de tempo que o anabolizante foi tomado e a sua dosagem.  

Quanto maior a dose e o tempo de utilização, maiores são os riscos para que ocorra a esterilidade. O efeito pode ser permanente e não há comprovação científica sobre o tempo levado para que ocorra. 

Outro fator importante!

Com a presença de esteróides androgênicos anabólicos contidos nos anabolizantes, o organismo pode enviar mensagens de bloqueio para as funções do testículo. Mesmo que não haja quadro de esterilidade, a fertilidade masculina pode ficar comprometida temporariamente, mas sem prazo determinado de volta. 

Os anabolizantes apresentam altos níveis de testosterona, o principal hormônio masculino presente e produzido nos testículos. Esses hormônios agem estimulando o volume de massa muscular e o seu crescimento, além da retenção de líquidos dentro das fibras dos músculos. 

Os anabolizantes também são responsáveis por mudanças bruscas de humor, que também são fatores que desencadeiam maior probabilidade ainda quanto a disfunção para a fertilidade. 

Médicos com especialidade em medicina esportiva ou um endocrinologista são profissionais que podem orientar de forma específica sobre o uso de anabolizantes em relação a saúde. 

Outros produtos que contribuem para a infertilidade

Os anabolizantes não são os únicos que contribuem para complicações dos quadros voltados à fertilidade masculina. Sabonetes e até shampoos contendo ftalatos, substância que inibe a produção de espermatozoides, podem contribuir para esse resultado. O estilo de vida do homem também diz muito à respeito de sua fertilidade. 

Por isso, é muito importante manter um padrão de vida equilibrado. Tabaco, bebidas alcoólicas e alguns medicamentos podem ter papel fundamental na ocorrência da infertilidade. Alterações de humor também são determinantes para indicar que a fertilidade está sofrendo algum processo de alteração. 

Como saber sobre a fertilidade masculina?

Exames como o espermograma, por exemplo, podem ajudar a entender o quadro que o homem se encontra quanto à sua fertilidade. Um dos principais fatores que podem levar a fazer esse tipo de exame, é a demora que pode levar para que se consiga engravidar a parceira. 

Passado o período de até um ano sem o uso de métodos contraceptivos e sem a ocorrência de uma gravidez, é necessário buscar ajuda médica para entender o caso. 

Em casos de constatação de infertilidade total ou temporária, existem alternativas que podem ser sugeridas para que o casal realize o sonho de formar uma família. Uma delas, sendo a reprodução humana assistida, podendo atender os dois casos. 

Considerações finais

Os anabolizantes podem ter papel fundamental para definir o futuro da fertilidade do homem que utiliza o medicamento. Por isso, é muito importante levar em consideração os fatores de risco que o uso desses medicamentos pode ocasionar quanto ao sonho de ter um filho. 

Além disso, todo cuidado é pouco, pois outros fatores e produtos podem interferir diretamente no processo de fertilidade. O acompanhamento médico é essencial para entender o que pode ser feito para sanar dúvidas e apresentar soluções quanto a infertilidade. 

Se você está em busca de profissionais e alternativas que te ajudem a entender sobre a fertilidade masculina, anabolizantes e suas possíveis implicações, clique aqui e conheça as melhores técnicas de medicina reprodutiva do Brasil.

O nosso compromisso maior é gerar possibilidades para a vida.